April 22, 2019

October 9, 2018

August 22, 2018

August 6, 2018

Please reload

Posts Recentes

EU GOSTO DA EUROPA E A EUROPA GOSTA DE MIM

June 30, 2019

1/9
Please reload

Posts Em Destaque

O DIA DO NOSSO CASAMENTO

October 3, 2018

 

Eu fecho os olhos e posso ver você entrando com um vestido branco e simples, mas sempre estonteante como só você consegue ser, o sorriso contagiante e sincero que invade todo o ambiente em que você se encontra é quase uma marca registrada sua. É um casamento simples, no cartório, é o que dava para fazer... o que dava para ser.

 

Era hoje, lembra?

 

Eu teria cantado “Se quiser um amante, eu farei tudo o que me pedir, e se quiser outro tipo de amor, eu usarei uma máscara por você”, depois iríamos para aquele hotel em Campos do Jordão que eu havia reservado, mas tudo isso ficou no passado antes mesmo de acontecer. Não tivemos a menor chance.

 

Eu abro os olhos e toda a fantasia espectral se dissolve em lágrimas. O aparelho de som está tocando nossa música e eu tento entender porque justo pra você eu guardei o amor que nunca soube dar, o amor que tive e vi sem me deixar sentir, sem conseguir provar, sem entender e repartir. Porque me entreguei tão completamente em tão pouco tempo depois de todas as experiências fracassadas que eu tive? O que fez com que eu acreditasse que daria certo desta vez?

 

Acendo o beck que havíamos combinado de fumar juntos e queria mais do que nunca que você estivesse aqui, dormindo com a cabeça no meu peito e entrelaçada no meu corpo. Sinto falta de todos os aspectos da minha vida com você. TODOS!

 

Queria poder olhar os seus olhos de baleia antes de pegar no sono, sentir os seus lábios e o sabor no silêncio da respiração...

 

Nunca paguei um preço tão alto por nadar contra a correnteza, me custou você, mas eu não podia fingir que era outra pessoa. Sou o que sou. A vida me fez um pessimista-esquisito-anarquista-sentimentalóide-carente-de-merda e tenho muito orgulho de mim mesmo.

 

Pelo menos servimos um para o outro para rompermos as relações abusivas em que vivíamos. Perdi sete anos da minha vida com alguém que não dava a mínima para mim, que me fazia sentir culpado por um monte de coisas e achei que nunca mais sentiria o que senti por você. Você me salvou de inúmeras maneiras. Você viveu onze anos de outro inferno pessoal, então pelo menos ajudamos um ao outro a sair do fundo do poço em que estávamos acostumados. Espero que eu também tenha te salvado de algum modo.

 

E hoje não vamos nos casar, talvez a vida passe sem que nos encontremos de novo e, pelo menos para mim, sempre vou pensar como teria sido. Como teria sido passar o resto da vida com você? Como teria sido se tudo fosse diferente? Se diferente eu fosse, será que eu teria sido amado por você? Você é o melhor de mim e eu te amo! Não se esqueça nunca!

 

Mesmo com você tão distante, ainda hoje, a minha resposta é sempre a mesma: é claro que eu aceito!

 

-----------------------------------------------------

 

Parte Sublinhada: Música de Leonard Cohen

Parte Itálica: Músicas de Nando Reis

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Procurar por tags